Auditoria, Consultoria Legal e Sistemas de Gestão Integrado

PRODUTOS POTENCIALMENTE NOCIVOS AO MEIO AMBIENTE

table border=0 width=600 cellspacing=0 cellpadding=0
tbody
tr
td colspan=4
table style=height: 156px; border=0 width=594 cellspacing=0 cellpadding=0
tbody
tr
td valign=topRequisito Legal:/td
td valign=top width=360Lei Nº 7612/td
/tr
tr
td valign=topData de publicação:/td
td valign=top width=36001/06/2017/td
/tr
tr
td valign=topFonte:/td
td valign=top width=360Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro/td
/tr
tr
td valign=topÓrgão Emissor:/td
td valign=top width=360PODER LEGISLATIVO/td
/tr
/tbody
/table
/td
/tr
tr
td class=article-title colspan=4 valign=top width=600 height=45Ementa / Comentário/td
/tr
tr
td class=content-copy colspan=4 valign=topALTERA A LEI 5928 DE 25 DE MARÇO DE 2011, QUE OBRIGA A DIVULGAÇÃO, NAS EMBALAGENS, DO TEMPO NATURAL DE DEGRADAÇÃO E DAS FORMAS DE DESCARTES FINAL DOS PRODUTOS POTENCIALMENTE NOCIVOS AO AMBIENTE E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.strongAltera a Lei nº 5928, de 25/03/2011 (Art. 2º; Revoga os §§ 2° e 3° do art. 2º)./strong/td
/tr
tr
td class=article-title colspan=4 valign=top width=600 height=45Quadro comparativo de alterações/td
/tr
tr
td class=content-copy colspan=4 valign=top
table border=0 cellspacing=3 cellpadding=3
tbody
tr
td valign=top width=290Requisito Legal Antigo/td
td valign=top width=290Requisito Legal Novo/td
/tr
tr
td valign=top width=360Art. 2º – O fabricante, o importador, o distribuidor, ou o varejista, que comercializar produtos sem a observância ao que prescreve esta lei, estará sujeito, após regular procedimento administrativo, no qual se observará ampla oportunidade de defesa, a multa, suspensão ou cancelamento da inscrição estadual, sem prejuízo da apreensão da mercadoria.
§1º – A multa de que trata o caput e que deverá ser revertida em partes iguais para o Fundo Especial de Apoio a Programas de Proteção e Defesa do Consumidor – FEPROCON e para o Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano – FECAM, será de 1(uma) UFIR/RJ por embalagem, aumentada em 50% (cinquenta por cento) em casos de reincidência, não podendo ultrapassar 100.000(cem mil) UFIRs/RJ./td
td valign=top width=360Art. 2º – O não atendimento do previsto nesta Lei sujeitará o responsável ao pagamento de multa nos termos do Código de Defesa do Consumidor.
§1° – A multa que trata o caput deverá ser revertida em partes iguais para o Fundo Especial de Apoio a Programas de Proteção e Defesa do Consumidor – FEPROCON, e para o Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano – FECAM./td
/tr
/tbody
/table
/td
/tr
/tbody
/table